Escalas do Sistema Solar

Saturno, Júpiter, Marte… Sabemos e decoramos os planetas do nosso sistema solar na escola, mas temos uma real dimensão de suas magnitudes frente a Terra?

No site lesud.com e imgur.com, temos algumas imagens interessantes desta escala planetária.

Tamanhos relativos dos planetas do nosso sistema solar

Tamanhos relativos dos planetas do nosso sistema solar. Fonte: lesud.com

Tamanho do Sol frente aos planetas dos sistema solar

Tamanho do Sol frente aos planetas dos sistema solar. Fonte: lesud.com

Comparação entre Marte, Vênus, Terra e Mercúrio

Comparação entre Marte, Vênus, Terra e Mercúrio. Fonte: lesud.com

Relação entre os satélites (luas) de cada planeta.

Relação entre os satélites (luas) de cada planeta. Fonte: lesud.com

Comparação entre Terra e Lua

Comparação entre Terra e Lua. Fonte: lesud.com

Comparação das órbitas até Júpiter (os planetas foram aumentados para visualização)

Comparação das órbitas até Júpiter (os planetas foram aumentados para visualização). Fonte: lesud.com

Tamanho da órbita Terra-Lua.

Tamanho da órbita Terra-Lua. Fonte: lesud.com

Na distância entre Terra e Lua, conseguiríamos enfileirar todos os planetas do nosso Sistema Solar

Na distância entre Terra e Lua, conseguiríamos enfileirar todos os planetas do nosso Sistema Solar. Fonte: Imgur

Pra finalizar, embora achemos que o Sol é realmente grande, observemos essa comparação:

Comparação do Sol e da Órbita da Terra em relação à VY Canis Majoris. Fonte: www.theskepticsguide.org

Comparação do Sol e da Órbita da Terra em relação à VY Canis Majoris. Fonte: http://www.theskepticsguide.org

FONTES:


ATUALIZAÇÃO:

Um vídeo que mostra essa comparação entre a VY Canis Majoris, Sol, Planetas e outras estrelas:

Ao final do vídeo, o autor argumenta que caso um avião comercial a 900km/h desejasse viajar no equador da superfície da VY Canis Majoris, levaria 1100 anos para conseguir dar uma volta completa! Para efeitos de comparação, levaria somente 44,5 horas na Terra e um pouco mais de 200 dias no Sol.

(Antes que alguém argumente, é somente uma comparação hipotética desprezando a temperatura nessa superfície, além da velocidade órbital estar muito baixa, o que faria o avião colapsar na superfície estrelar quase que instantaneamente)